Home / Estilo de Vida / Melhore sua idade biológica com alimento e estilo de vida saudáveis ​​- 06/09/2021

Melhore sua idade biológica com alimento e estilo de vida saudáveis ​​- 06/09/2021

Não é provável evitar o envelhecimento, mas parece factível virar a idade biológica (medida pelo relógio epigenético) com uma alimento e um estilo de vida saudável. É o que um experimento médico desenvolvido por um grupo de cientistas norte-americanos e publicado na revista Envelhecimento tem valor.

O que é idade biológica e idade cronológica?

Para entender o estudo em si é importante compreender a diferença entre idade cronológica e biológica, e que esta última tem tudo a ver com o relógio epigenético.

A idade cronológica é o tempo decorrido desde o momento do nosso promanação, geralmente contada em anos de vida. À medida que envelhecemos cronologicamente, o risco de desenvolver doenças crônicas (doenças do coração, diabetes, hipertensão, cancro etc.) aumentam.

Já a idade biológica é uma avaliação numérica quanto ao nível de danos e de perdas das funções que as células, tecidos e órgãos do corpo acumularam e que podem contribuir para a revelação de doenças, sendo um indicador ainda melhor para prever o risco do organização desenvolver problemas de saúde.

Por isso, é interesse da ciência fazer descobertas que podem reduzir a idade e o biológico, aconteça o risco de doenças crônicas e consequentemente aumento da expectativa de vida.

Esse envelhecimento biológico também pode ser chamado de epigenético. A epigenética é a ciência que estuda o modo porquê nosso material genético e regulado e muda sua frase sem o envolvimento de mudanças no DNA.

Cessação da epigenética de um gene, ele pode ser ativado ou silenciado Por exemplo, é desejável que genes supressores de tumores cancerígenos sejam ativados e genes promotores de inflamação sejam silenciados. Mas não é isso que acontece à medida que envelhecemos biologicamente.

Avaliando idade biológica, estilo de vida e metilação de DNA

Um dos mecanismos epigenéticos mais estudados para medir a idade biológica é através da metilação do DNA, ou seja, da soma e remoção de grupos metil (uma molécula de carbono ligada a três moléculas de hidrogênio) ao DNA.

Muitos locais de metilação do DNA prontamente alguns estímulos ambientais, mostrando que os padrões epigenéticos relacionados aos relógios biológicos são modificáveis. Por isso, uma estudo de metilação do DNA foi justamente a metodologia utilizada, sem estudo em questão, realizada a partir da seiva.

Para isso, os pesquisadores realizaram um experimento médico randomizado controlado, ou seja, os 43 homens saudáveis, com idades entre 50 e 72 anos, foram divididos de forma aleatória em dois grupos.

Um grupo de participantes era o controle e voluntários não recebeu nenhuma mediação, enquanto o outro grupo participou de um programa de tratamento com duração de 8 semanas.

Esse programa de tratamento contou uma alimento planejada contendo grandes quantidades de nutrientes conhecidos por doarem grupos metil, regular a metilação do DNA e ajudar o organização a inserir os grupos metil nos locais locais.

Foram incluídos no cardápio: frutas, verduras, vegetais crucíferos (nabo, brócolis, couve-flor, couve-de-bruxelas), fígado, nozes, grãos, vegetais vegetais, ovos e carnes sem utilização de antibiótico nem hormônios.

Combinado a isso, os alunos treinados atividade física (30 minutos por dia durante pelo menos 5 dias da semana), ter um sono adequado (dormir muro de 7 horas por noite), socializar com outras pessoas e mourejar com o estresse por meio de exercícios para a respiração (duas vezes ao dia) , práticas essas que parecem ter um impacto favorável na metilação do DNA.

Estilo de vida saudável nos torna 3,23 anos mais jovens (biologicamente)

Uma mediação com alimento saudável e práticas de estilo de vida foi associada a uma subtracção de 3,23 anos na idade biológica do grupo em tratamento em verificação ao grupo controle.

Outrossim, ao confrontar os voluntários que tratamento recebeu no início e ao final do estudo, mostrou-se que a idade biológica deles diminuiu, em média, 1,96 anos.

De negócio com os pesquisadores, esse é o primeiro estudo randomizado e controlado por sugerir que tratamentos específicos na alimento e sem estilo de vida podem virar o envelhecimento biológico em adultos e idosos saudáveis, contribuindo para o aumento da expectativa de vida e melhoria da saúde.

Eles também apontam a premência de investigar o envelhecimento biológico em outras populações humanas e de realizar pesquisas em larga graduação e longa duração para confirmar esses achados.

7 pilares da saúde nutrir para reduzir a idade biológica

Diante da valia da alimento e do estilo de vida para virar o envelhecimento biológico e retardar o desenvolvimento de doenças crônicas, proponho 7 pilares da saúde nutrir, que você encontra no meu novo livro, para ajudar você na mudança de hábitos.

1- Praticar o ritual da repasto

A alimento vai além do consumo nutrir, por isso é importante escolher e comprar víveres de qualidade, cozinhar mais comida caseira, e, sempre que provável, compartilhar a repasto com quem convivemos.

2- Fomentar-se de outras energias

Porquê o próprio estudo mostra, além da alimento outros elementos compõem um estilo de vida saudável e podem contribuir para a redução da idade biológica.Portanto, organize seus horários e reserve momentos para lazer, prática física moderada de forma prazerosa e tenha uma boa rotina de sono.

3- Consumir melhor, não menos

Para termos saúde não é necessário manducar menos, nem aderir a dietas restritivas. Em vez disso, coma com prazer (elemento indispensável para uma alimento saudável) e escolha víveres variados e de qualidade.

4- Ter consciência da rafa / saciedade e da nutrição

Nem todo mundo dá à alimento o tempo e a valia que ela merece. É geral manducar ao mesmo tempo em que fazemos outras coisas e, com isso, muitas vezes nem sentimos o sabor dos víveres. Saboreie e escolha manducar víveres que fazem você se sentir nutrido.

5- Pensar sustentável

Mudanças no estilo de vida devem ser graduais. É preciso ter paciência nesse processo e definir metas realistas, entendendo que toda mudança, por menor que seja, tem a sua valia.

6- Cuidar da mente

Reconheça o positivo, celebre as mudanças que ocorre até logo e aprenda a mourejar com o estresse sem premência de descontar na comida.

7- Fazer as pazes com o corpo

Querer perder um pouco de peso ou mudar um tanto na sua imagem não é um problema, mas é preciso ter consciência de que o corpo não é completamente moldável. Aceite-o porquê é no momento e confie nele, pois está sempre enviando mensagens para falar quando está com rafa, saciado e se um tanto não vai muito.

Bom gosto!

Sophie Deram

Inspirado no Post: Se Quiser Ver o Original

Check Also

Outback presenteia o ‘melhor colega cínico’ com coleira exclusiva em ação privativo

Se existe uma amizade que muito se fortaleceu no último ano foi a de humanos …